AMA Brasil inicia implantação de nova Unidade de Fazenda Ambiental para cultivo de Frutas Vermelhas

"Mais uma Unidade de Fazenda Ambiental sendo implantada pela AMA Brasil terá inúmeras atividades em suas dependências, mas neste caso, a Unidade tem como atividade principal a produção de Frutas Vermelhas"



Ocorreu na última segunda-feira, dia 10 de maio de 2021, o marco operacional inicial de implantação da Fazenda Ambiental que é a nova Unidade de Produção e Cultivo de Frutas Vermelhas da AMA Brasil, em Ibiúna, SP, sendo que o contrato para produção nesta área foi firmado pelo presidente, Hermann Palmeira, e está vigente desde 1º de março de 2021, desta forma os 70 dias iniciais foram necessárias para as devidas adequações administrativas e burocráticas para que fossem efetivamente iniciadas as atividades operacionais de campo, tendo sido realizada a preparação da terra pelas máquinas e profissionais, quando em seguida e posteriormente as primeiras mudas foram plantadas, e subsequentemente a terra e as culturas receberam os insumos pertinentes para o perfeito tratamento desta atividades de fruticultura, sendo essa a terceira Unidade de Fazenda Ambiental implantada.


A área que deve ser plantada nesta Fazenda Ambiental - Unidade de Produção e Cultivo de Frutas Vermelhas da AMA Brasil, é de aproximadamente 100 mil metros quadrados, equivalente à 10 hectares de cultivo, sendo utilizadas variedades de mirtilo, amora e framboesa, todas variedades de frutas vermelhas comercializadas no mercado brasileiro, mas que possuem principalmente a sua grande aceitação no mercado internacional, possibilitando a exportação destes produtos para diversos países. A produtividade esperada somente nesta área será de 300 toneladas de frutas, somando as 3 variedades, e haverá ainda a produção de novas mudas que permitirá a expansão da produção destas culturas em outras Unidade de Fazendas Ambientais da AMA Brasil. Outro ponto que merece atenção é o fato desta Unidade servir como laboratório de produção para as demais, e também ter uma infraestrutura que permite treinamento, cursos, viveiros e acima de tudo a implantação das práticas de produção orgânica, onde se pretende no prazo de um ano solicitar as devidas certificações e reconhecimento para a implantação de Selo Verde.


Esta mesma Unidade será aberta ao público nos períodos de colheita, que ocorrem de dezembro à março, para que os visitantes possam interagir com todo o trabalho desenvolvido na produção, bem como poderão realizar a compra e degustação de frutas diretamente no local de cultivo, participar de oficinas de produção e beneficiamento dos frutos maduros, com doces, geleias, compotas, vinhos, sucos e demais opções que estão sendo viabilizadas para que haja o máximo de aproveitamento desde a colheita até o consumo final, sendo que novas Unidades de produção em Fazendas Ambientais estão sendo igualmente preparadas. Todas esta atividades poderão ser acompanhadas neste website, e as novidades no decorrer do projeto serão noticiadas para que todos possam conferir os detalhes de cada etapa.




20 visualizações0 comentário